A Estilista

A estilista mineira Ângela Silva teve seu primeiro contato com a moda em sua adolescência, tudo começou quando passou a criar e confeccionar suas próprias roupas e a frequentar eventos de moda. Desde o início se identificou com a atual carreira, fruto da influência de sua avó materna que fazia modelagem.

Sempre priorizando a qualidade de sua produção, no início de sua carreira ela observava a precariedade dos vestidos de marcas luxuosas, criando assim seu próprio padrão de qualidade que até hoje é reconhecido por seus grandes clientes. Mas não foi uma simples tarefa, para ter resultado na qualidade de suas peças a estilista teve que desmanchar e estudar como eram feitas às costuras dos vestidos de marcas renomadas, identificando as fraquezas que estas tinham para poder modificar e aplicar em seus vestidos.

Ângela Silva está no mercado há mais de dezesseis anos e já participou de feiras de grande importância a nível nacional e internacional, dentre estes eventos sua confecção teve a oportunidade de se classificar entre as dez melhores confecções de Uberlândia, como prêmio participou de uma feira preview que permitiu antecipar sua nova coleção.

A estilista sempre quis algo que envolvesse seu nome e sobrenome, então buscou ajuda de um profissional, dando origem à sua nova marca, Silvan Cherni (Silvan é a junção de Silva e Ângela; Cherni fazendo referência à montanha mais alta da Bulgária, dando o sentido de estar no topo).

Empresa